Voice of the Oceans

O PROPÓSITO

A gente quer conversar. Abrir um diálogo para falar como a poluição dos mares é um problema sério e precisa da nossa atenção. Não são só as praias que ficam feias. São os animais que ficam presos e se machucam com o nosso lixo. Pior, eles estão se alimentando com resíduos plásticos. Depois, somos nós que ingerimos esses resíduos por meio da cadeia alimentar e a nossa saúde sofre também. O plástico faz parte da nossa dieta, a gente só não consegue ver a olho nu.

 

Os problemas não param por aí. Os micro e nano plásticos que estão nos mares acabam criando uma barreira que impede os oceanos de exercerem seu papel na preservação ambiental, como a produção de oxigênio e a manutenção do equilíbrio climático. Tem também o prejuízo econômico, que chega aos trilhões de dólares todos os anos.

 

Deu para perceber o tamanho do problema? É por isso que a gente precisa conversar. Trocar informações, repensar nossos comportamentos e nossas formas de consumo. Aquele desastre ambiental, que sempre falaram estar distante no futuro, já está acontecendo. Precisamos tomar ações imediatamente. Não é uma questão de salvar o futuro – precisamos salvar o nosso agora.

 

Para esse diálogo acontecer, precisamos ouvir a Voz dos Oceanos. Então vamos zarpar numa jornada para você ouvir o que os mares têm para dizer. Nós nascemos com a missão de ser a Voz dos Oceanos.